Nova secretária de Justiça e Cidadania do Rio Grande do Norte, Arméli Brennand, diz que objetivo da pasta é cuidar da garantia dos direitos da população e seguimentos vulnerabilizados.

“Historicamente será a primeira vez que o estado do Rio Grande do Norte implementará uma política de governo que se pretende como uma política de estado”, declarou a secretaria.

Questionada em relação as prioridades das minorias dentro das políticas públicas levando em conta a questão dos recursos do estado ela respondeu que inicialmente se quer garantir a interiorização das políticas que se voltam para os seguimentos mais vulneráveis em parceria com as demais secretarias. ” Nós vamos ampliar a atenção na saúde, educação e a ocupação de espaços públicos para discussões, debates e aulas gratuitas de orientação sobre os direitos desses seguimentos de população”, afirmou.

Agora RN