Os sete médicos cubanos que atuaram em Currais Novos através do Programa “Mais Médicos” do Governo Federal foram desligados oficialmente de suas atividades no município nesta terça-feira (20) conforme comunicado enviado à Secretaria Municipal de Saúde pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). De acordo com a Secretaria, uma equipe técnica do município está planejando a melhor forma de sanar essa ausência através de remanejamento de profissionais para as UBS’s que ficaram sem atendimento.

A Secretaria afirma que todas as Unidades Básicas de Saúde estão abertas para os atendimentos mais simples, e as urgências serão encaminhadas para o Pronto Atendimento (Antigo PA Unimed) ou Pronto Socorro do Hospital Estadual “Mariano Coelho”, e as consultas eletivas também serão remanejadas para os profissionais que atuam na rede básica do município.