O Conselho Nacional de Justiça liberou os números sobre o Poder Judiciário no Brasil no ano passado. E os dados são volumosos – e insustentáveis.

Sem considerar os gastos do Supremo Tribunal Federal, o Judiciário custou aos cofres públicos, no ano passado, R$ 90 bilhões 846 milhões – um crescimento de 7% em comparação com 2016. Aproximadamente 90% desses recursos foram destinados à folha de pagamento.